Intensificar a reza do Terço

O mês de maio é conhecido por muitos como o mês das noivas, é o mês que se comemora o dia das mães e também o da consagração de Maria, mãe de Jesus, por este motivo há um crescimento natural de muitos fiéis rezarem o terço em casa com a família.

Estamos vivendo um tempo difícil de pandemia, porém, se olharmos por outro lado estamos mais juntos com nossos queridos familiares, e por este motivo seria muito interessante que as pessoas dedicassem um tempo do dia para rezar o santo rosário.

Para as pessoas que não conhecem bem os mistérios, preparamos um passo a passo explicando de forma bem didática como rezar o terço e o texto das orações.

Ao final deixaremos como sugestão do Papa Francisco, duas orações a Nossa Senhora, que podem ser rezadas ao fim do Terço.

Como nos diz o Santo Padre, que a contemplação do rosto de Cristo, juntamente com o coração de Maria, nossa Mãe, tornar-nos-á ainda mais unidos como família espiritual e ajudar-nos-á a superar esta prova.

A partir da cruz, siga as orações na sequência indicada:

1º – Inicia-se segurando pela cruz, com a oração do Creio;

2º – Reza-se um Pai-Nosso, seguido de três Ave-Maria (Cada Ave-Maria é precedida de uma oração, listadas abaixo);

3º – Recita-se: Glória ao Pai, ao Filho…

4º – O terço possui 5 dezenas. A cada dezena contempla-se o mistério, seguido de 01 Pai-Nosso e 10 Ave-Maria;

5º – Ao final de cada dezena reza-se o Glória, seguido da jaculatória Oh! Meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu e socorrei principalmente as que mais precisarem.

Ao concluir as 5 dezenas, reza-se os agradecimentos.

Oferecimento do Terço

Divino Jesus, nós vos oferecemos este rosário que vamos rezar, meditando os mistérios da nossa Redenção. Concedei-nos, por intercessão da Virgem Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe, as virtudes que nos são necessárias para bem rezá-lo e a graça de ganharmos as indulgências desta santa devoção.

Oferecemos, particularmente, em desagravo dos pecados cometidos contra o Santíssimo Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria, pela paz do mundo pela Santa Igreja, pela santificação das famílias, (intenções que se quer incluir no Rosário).

* Segurando-se a cruz do Rosário, reza-se o Creio em Deus Pai

Creio em Deus Pai todo-poderoso, Criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos; ressuscitou ao terceiro dia; subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo poderoso, donde há de vir julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne e na vida eterna. Amém.

* Pai Nosso que estais nos céus, santificado seja o Vosso nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossa ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

A primeira Ave-Maria em honra a Deus Pai que nos criou; Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus. Santa Maria Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

A segunda Ave Maria a Deus Filho que nos remiu: {Ave-Maria…};

A terceira Ave Maria ao Espírito Santo que nos santifica: {Ave-Maria…};

* Glória ao Pai, ao Filho e o Espírito Santo. Como era no princípio, agora é sempre. Amém.

Na oração do Rosário contemplam-se todos os mistérios. No caso da oração do Terço, contempla-se um dos mistérios, conforme dias e mistérios a seguir:

Mistérios Gozosos (segundas e sábados)

1º – Anunciação do Arcanjo São Gabriel à nossa Senhora.

2º – Visitação de Nossa Senhora à sua prima Santa Isabel.

3º – O nascimento do Menino Jesus em Belém.

4º – A apresentação do Menino Jesus no Tempo e a Purificação de Nossa Senhora.

5º – Perda e o Encontro do Menino Jesus no templo.

Mistérios Dolorosos (terças e sextas-feiras)

1º – Agonia de Cristo Nosso Senhor, quando suou sangue no Horto das oliveiras.

2º – Flagelação de Jesus Cristo atado à coluna.

3º – Coroação de espinho de Nosso Senhor.

4º – Contemplemos Jesus Cristo carregando a Cruz para o Calvário.

5º – Crucificação e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Mistérios Gloriosos (quartas-feiras e domingos)

1º – Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo.

2º – Ascensão de Nosso Senhor ao Céu.

3º – Vinda do Espírito Santo sobre os Apóstolos reunidos com Maria Santíssima no Cenáculo em Jerusalém.

4º – Assunção de Nossa Senhora ao Céu.

5º – Coroação de Nossa Senhora no Céu como Rainha de todos os anjos e santos.

Mistérios Luminosos (quinta-feira)

1º – Batismo de Jesus.

2º – Jesus nas Bodas de Caná.

3º – O Anúncio do Reino e o convite à conversão.

4º – A Transfiguração de Cristo.

5º – A Instituição da Eucaristia.

Agradecimento

Infinitas graças vos damos, Soberana Rainha, pelos benefícios que todos os dias recebemos de vossa mão liberais. Dignai-vos, agora e para sempre, tomar-nos debaixo do vosso poderoso amparo e para mais vos obrigar vos saudamos com uma: Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida, doçura, esperança nossa, salve! A vós bradamos, os degredados filhos de Eva; a vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia, pois, advogada nossa esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro nos mostrai a Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó Clemente, ó Piedosa, ó Doce, sempre virgem Maria. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus:  Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém.

—————————————————————————————————————————————

Oração a Maria

Ó Maria, Vós sempre resplandeceis sobre o nosso caminho como um sinal de salvação e de esperança. Confiamo-nos a Vós, Saúde dos Enfermos, que permanecestes, junto da cruz, associada ao sofrimento de Jesus, mantendo firme a vossa fé.

Vós, Salvação do Povo Romano, sabeis do que precisamos e temos a certeza de que no-lo providenciareis para que, como em Caná da Galileia, possa voltar a alegria e a festa depois desta provação.

Ajudai-nos, Mãe do Divino Amor, a conformar-nos com a vontade do Pai e a fazer aquilo que nos disser Jesus, que assumiu sobre Si as nossas enfermidades e carregou as nossas dores para nos levar, através da cruz, à alegria da ressurreição. Amém.

À vossa proteção, recorremos, Santa Mãe de Deus; não desprezeis as nossas súplicas na hora da prova mas livrai-nos de todos os perigos, ó Virgem gloriosa e bendita.

—————————————————————————————————————————————

Oração a Maria

«À vossa proteção, recorremos, Santa Mãe de Deus».

Na dramática situação atual, carregada de sofrimentos e angústias que oprimem o mundo inteiro, recorremos a Vós, Mãe de Deus e nossa Mãe, refugiando-nos sob a vossa proteção.

Ó Virgem Maria, volvei para nós os vossos olhos misericordiosos nesta pandemia do coronavírus e confortai a quantos se sentem perdidos e choram pelos seus familiares mortos e, por vezes, sepultados duma maneira que fere a alma. Sustentai aqueles que estão angustiados por pessoas enfermas de quem não se podem aproximar, para impedir o contágio. Infundi confiança em quem vive ansioso com o futuro incerto e as consequências sobre a economia e o trabalho.

Mãe de Deus e nossa Mãe, alcançai-nos de Deus, Pai de misericórdia, que esta dura prova termine e volte um horizonte de esperança e paz. Como em Caná, intervinde junto do vosso Divino Filho, pedindo-Lhe que conforte as famílias dos doentes e das vítimas e abra o seu coração à confiança.

Protegei os médicos, os enfermeiros, os agentes de saúde, os voluntários que, neste período de emergência, estão na vanguarda arriscando a própria vida para salvar outras vidas. Acompanhai a sua fadiga heroica e dai-lhes força, bondade e saúde.

Permanecei junto daqueles que assistem noite e dia os doentes, e dos sacerdotes que procuram ajudar e apoiar a todos, com solicitude pastoral e dedicação evangélica.

Virgem Santa, iluminai as mentes dos homens e mulheres de ciência, a fim de encontrarem as soluções justas para vencer este vírus.

Assisti os Responsáveis das nações, para que atuem com sabedoria, solicitude e generosidade, socorrendo aqueles que não têm o necessário para viver, programando soluções sociais e económicas com clarividência e espírito de solidariedade.

Maria Santíssima tocai as consciências para que as somas enormes usadas para aumentar e aperfeiçoar os armamentos sejam, antes, destinadas a promover estudos adequados para prevenir catástrofes do género no futuro.

Mãe amadíssima, fazei crescer no mundo o sentido de pertença a uma única grande família, na certeza do vínculo que une a todos, para acudirmos, com espírito fraterno e solidário, a tanta pobreza e inúmeras situações de miséria. Encorajai a firmeza na fé, a perseverança no serviço, a constância na oração.

Ó Maria, Consoladora dos aflitos, abraçai todos os vossos filhos atribulados e alcançai-nos a graça que Deus intervenha com a sua mão omnipotente para nos libertar desta terrível epidemia, de modo que a vida possa retomar com serenidade o seu curso normal.

Confiamo-nos a Vós, que resplandeceis sobre o nosso caminho como sinal de salvação e de esperança, ó clemente, ó piedosa, ó doce Virgem Maria. Amém.

Informações

Paróquia Bom Jesus

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta